segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Retrospectiva 2011

O último ano do enésimo fim do mundo começou. Finalmente, o ano de 2011 terminou. Foi longo, cheio de alegrias e tristezas, mas terminou. Na verdade, nada mudou e eu não cumpri metade da lista que tinha postado aqui no blog, como metas para 2011...

Mas vamos aos grandes fatos:

Janeiro
Foi o mês que deu uma grande virada na minha vida. Meus amigos uspianos se formaram, e nessa formatura, eu (re)conheci meu namorado. Conclusão do mês: O ano começou bem.
Carnaval em Recife: Quem não quer?

Fevereiro
Passei o carnaval em grande estilo. Ao contrário do típico "mofar", fugi para o nordeste e passei cinco dias ouvindo frevo. Ah! E também voltei a comer glúten. rs 


Março
Foi o mês que passei a "receber" pelo meu estágio. Não foi um mês muito empolgante, então acho que essa foi o "grande acontecimento" do terceiro mês do ano.

U2 360º live at Morumbi <3
Abril
Realizei um dos meus sonhos: Fui ao show do Muse + U2. E iria de novo e de novo e de novo, porque foi sensacional.


Maio
Após meses de espera, fui ver o musical "Mamma Mia!", com meus pais. Adoro musicais, então todos que consigo ir ver, são uma realização. Mas como nem tudo são flores, também foi o mês que a bolsa de Iniciação Científica miou - não porque foi negada, mas porque foi o mês em que o prazo para submissão expirou. Marinheiro de primeira viagem sem uma bússula para lhe guiar sempre se perde no mar. Foi o que aconteceu comigo.

Junho
Corpus Christi. Foi o feriado em que voltei para São Carlos, a um encontro de empresas juniores. Viajei com pessoas maravilhosas, me diverti muito e alberguei na casa de um grande amigo. Gratidão eterna pela hospedagem.

Julho
O mês que eu deletaria do ano de 2011. O mês amaldiçoado. Foi o mês em que decidi o que queria fazer no mestrado, foi o mês em que mamis operou o estômago pela terceira vez, e foi o mês em que meu tio faleceu no dia 19, e meu avô no dia 21. Há sete anos, meu outro avô desencarnara no dia 20 de julho, então essa penúltima semana do mês de férias virou a semana negra do meu calendário. Pra sempre. 

Na última semana, porém, o estágio com minha atual orientadora, em São Carlos, compensou a tristeza dos dias anteriores.

Agosto
O mês mais longo e insuportável do ano. O mundo acaba, mas agosto não termina. Também não teve grandes fatos marcantes.

Setembro
Casamento. 2011 foi o ano dos casamentos... Acho que o povo tá com medo de terminar o mundo e todos morrerem solteiros, então só no segundo semestre do ano passado, foram três. O primeiro da saga foi do meu primo. Uma delícia de festa que fez até o meu pai (!) dançar.

Outubro
Também casamento, mas dessa vez, da prima do Gui. Também muito bonito e comidas deliciosas.

Novembro
Fechando a trilogia dos casórios, novembro foi o mês do casamento de meu outro primo. Também foi maravilhoso e emocionante. 

Também foi meu último mês de estágio, o que rendeu uma festa de despedida surpresa no laboratório. Conclusão do mês: Só chorei.

Dezembro
Último mês de graduação, formatura e apresentação de dança. Vários sonhos se realizando em um mês só. E isso só antes do natal. Começou com a apresentação de dança do ventre, que eu finalmente voltei a fazer. Foi linda!

Na semana seguinte, veio a formatura. Terminando um ciclo e começando outro... Um sentimento de felicidade inexplicável, e uma gratidão enorme e eterna à minha família, por compartilhar comigo o momento especial.

Após a comilança do natal, mudança: Quatro anos depois, voltei a São Carlos, para o mesmo prédio, e passarei aqui [pelo menos] os próximos dois anos. Se o mundo for acabar, que acabe antes que eu tenha que fazer mudança de novo. Odeio mudanças.

Por fim: Ano novo, vida nova. Adeus 2011.


Nenhum comentário:

Postar um comentário