segunda-feira, 8 de março de 2010

Nova gestão alimentar "mode on"


Quem me conhece sabe que nunca fui de fazer regimes – e não me venham com o papo de que é porque nunca precisei. Nunca comi muito para fazer regime, e se eu deixasse de comer algo para tentar emagrecer, talvez ficasse anêmica ou subnutrida, vai saber. E também nunca comi pouco com medo de engordar, simplesmente meu estômago é assim, pequenino.

Nunca me privei de alimento nenhum, nunca fiz quaresma (mas aí é óbvio, porque não sou católica! rs), nem dieta, sempre comi muito pão, chocolate, massas e afins.

Até que meu organismo resolveu se revoltar contra mim e implicar com tudo o que como. Há um mês, foi a lactose, agora é o glúten. Vou virar vegan contra minha vontade, daqui a pouco!

Enfim, dei início à minha nova gestão alimentar. Malditos genes do leste europeu que me pertencem.

O duro, agora, é agüentar as “piadas”:
- Não vai comer nem um pastelzinho, Heloísa?
- Não, obrigada, eu não posso...
- É! Tem que manter a forma, não é?
- ...

Ah, caros amigos, antes fosse para manter a forma, viu?

Um comentário: